Alckmin: ‘Indignação, solidariedade e esperança’


José Fucs - BR18

Imagem relacionada
Luiz Felipe d’Avila e Geraldo Alckmin

O pré-candidato do PSDB à Presidência, Geraldo Alckmin, vai ancorar seu discurso de campanha em três grandes eixos: a indignação, a solidariedade e a esperança.

O cientista político Luiz Felipe d’Avila, coordenador do programa de governo e da área de comunicação do tucano, disse que o eixo da indignação vai explorar o repúdio à corrupção, a percepção de que o Estado é caro e ineficiente e a rejeição ao capitalismo de compadrio. O eixo da solidariedade explorará a ideia de que o Brasil não é um país desigual, mas ineficiente. E o da esperança, a promessa de dobrar a renda dos brasileiros e zerar o déficit primário em dois anos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário