'Só temos uma tarefa: ir para o segundo turno', diz Alckmin a deputados



Em conversa com deputados do PSDB na noite de terça-feira, 6, o governador de São Paulo e presidente nacional da legenda, Geraldo Alckmin, afirmou que o desafio do partido vai ser chegar ao segundo turno das eleições presidenciais. "Nós só temos uma tarefa: ir para o segundo turno", afirmou.

O governador disse que "as coisas estão caminhando" e que o principal desafio para a sua candidatura à Presidência será articular bons palanques estaduais. "A situação é favorável se tivermos juízo", afirmou Alckmin. Questionado sobre o que significava ter "juízo", o governador falou que o principal ponto é o PSDB caminhar unido. "Juízo é o partido estar unido, trabalharmos em torno de um grande projeto, para unir o País."

Alckmin admitiu que a possibilidade de o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não poder disputar a eleição deve favorecê-lo na disputa. "Com Lula candidato você tinha uma vaga ocupada (no segundo turno), e ia disputar a segunda. Com o Lula não sendo candidato, são duas vagas para disputar", disse.

Segundo o governador, ele vai começar a "andar mais pelo País" quando deixar o governo de São Paulo, em abril. "Por enquanto eu ainda tenho que cuidar da província", disse, afirmando que tem dezenas de obras para inaugurar no Estado.

O encontro de Alckmin com deputados do PSDB aconteceu em uma galeteria no Lago Sul, região nobre de Brasília. Ele chegou ao local por volta das 23h. O jantar foi organizado pelo novo líder da bancada, deputado Nilson Leitão (PSDB-MT). 

Na quarta-feira, 7, o governador vai reunir a Executiva do partido para organizar a prévia, que deverá ser realizada em março. 

Fonte: Estadão

Nenhum comentário:

Postar um comentário