Governador Geraldo Alckmin anuncia investimento em novo Hospital de Caraguatatuba


Com área construída de aproximadamente 25,3 mil m², o Hospital contará com 184 leitos; os investimentos são da ordem de R$ 250 milhões para realização da obra e compra de equipamentos e mobiliário


O governador Geraldo Alckmin anunciou nesta quinta-feira, 28, um investimento de cerca de R$ 250 milhões para a construção do novo Hospital Regional de Caraguatatuba, no Litoral Norte. A unidade integra o programa estadual “Saúde em Ação” e faz parte de uma parceria inédita com o BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento).

“Amanhã, nós abriremos os envelopes com as propostas do processo licitatório para a construção do novo hospital. Acredito que no máximo em 60, 90 dias, a gente já consiga dar início às obras e, em 30 meses, o hospital estará pronto”, explicou Alckmin. “Foi um longo trabalho para definição do local, conseguimos o financiamento e fizemos o projeto executivo> Então, agora, é a fase para iniciar as obras. Quero, também, agradecer a prefeitura de Caraguá, que doou o terreno”, afirmou o governador.

O novo hospital prestará atendimento integral e humanizado aos pacientes em urgência e emergência, internações agudas e cirurgias eletivas, de forma regionalizada. É totalmente voltado ao atendimento dos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) e abrangerá os municípios de Caraguatatuba, Ubatuba, São Sebastião e Ilhabela. É importante lembrar que na alta temporada existe um acréscimo de população flutuante equivalente a cinco vezes a população fixa, o que contribui no aumento da necessidade de assistência na região.

Somente para a construção desta unidade está previsto o investimento de R$ 185 milhões, além de R$ 65 milhões para a compra de equipamentos e mobiliários. Com uma área construída de aproximadamente 25,3 mil m², o Hospital terá seis pavimentos e um heliponto. Contará com 186 leitos operacionais, distribuídos em 48 de clínica médica, 48 de clínica cirúrgica, 25 de ortopedia e traumatologia, 25 de neurocirurgia e 40 leitos de UTI Adulto. O pronto-socorro será referenciado e especializado em casos de média e alta complexidade.

Do total a ser investido por meio da parceria, 70% são provenientes do empréstimo firmado com o BID e 30% são de recursos do Tesouro do Estado. As regiões que irão receber os investimentos do BID foram escolhidas pela Secretaria da Saúde após um estudo que teve como critérios questões epidemiológicas e necessidades regionais. Os recursos terão o prazo de cinco anos para serem utilizados.

Há ainda a previsão de outros investimentos no Litoral Norte e região, como a construção de sete Caps (Centros de Atenção Psicossocial), em Ilhabela, Caraguatatuba, São Sebastião e Ubatuba. Também estão previstas as reformas da ala psiquiátrica da Santa Casa de Caraguatatuba, de duas UBSs (Unidade Básica de Saúde) em Ubatuba e São Sebastião e do DRS (Departamento Regional de Saúde) de Taubaté.

Nenhum comentário:

Postar um comentário