'A gente assiste hoje à derrocada do PT', diz Alckmin em ato de campanha em São Bernardo


Governador esteve na cidade, que é tradicional reduto petista, para apoiar a candidatura do tucano Orlando Morando à prefeitura

Valmar Hupsel Filho - O Estado de S.Paulo

Resultado de imagem para alckmin orlando morando campanha

Ao visitar um dos mais importantes redutos petistas nesta quarta-feira, 26, o governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) disse que o resultado da eleição no segundo turno vai sacramentar a "derrocada" do PT.

"Eu vejo que o PT se perdeu ao longo dessa jornada", disse Alckmin ao participar de um ato de campanha do candidato do PSDB a prefeito de São Bernardo do Campo, Orlando Morando. "O povo não erra, já dizia Mario Covas. Ele precisa ter todas as informações e o que a gente assiste hoje é uma derrocada do PT não só aqui mas de maneira generalizada", disse.

Morando disputa o segundo turno na cidade com o deputado federal Alex Manente, do PPS, a quem acusa de ter recebido apoio oficial do PT nesta fase da campanha. 

Em São Bernardo, Alckmin desfilou por cerca de meia hora sobre um carro de som pela rua Marechal Deodoro, a principal da região central da cidade. A comitiva, na qual também estavam o senador José Aníbal e o presidente estadual do PSDB Pedro Tobias, passou direto pela Praça Matriz, local de profundo simbolismo para o PT, e parou na Praça Santa Filomena.

Ao lado de Morando, que a todo momento fazia o sinal de "acelera" herdado da campanha do prefeito eleito em São Paulo João Doria, o governador fez sua tradicional agenda de campanha. Percorreu um pequeno trecho a pé cumprimentando lojistas e transeuntes, posou para "selfies" e parou para tomar um cafezinho. "São Bernardo é uma das maiores cidades brasileiras, industrial e berço do sindicalismo.Estamos mudando a página", disse ele sobre a candidatura de Morando, líder das pesquisas no segundo turno. O PT, do atual prefeito Luiz Marinho, sequer foi para o segundo turno.

Esta é a segunda vez em que Alckmin participa de uma agenda de campanha neste segundo turno. Na noite da terça-feira, 25, o governador esteve em Mauá para pedir votos ao candidato do PSB, Átila Jacomussi. Nesta quinta-feira, 27, o tucano deve ir a Diadema e a Santo André.

Nenhum comentário:

Postar um comentário