Ministério Público Eleitoral impugna candidaturas de Russomanno, Marta, Erundina e Olímpio


Resultado de imagem para Russomanno, Marta, Erundina e Olímpio
Russomanno, Marta e Erundina

O Ministério Público Eleitoral em São Paulo impugnou nesta terça-feira, 23, as candidaturas de Celso Russomanno (PRB) e Marta Suplicy (PMDB), que lideram as pesquisas de intenção de voto na capital paulista. Também foram impugnadas as candidaturas da ex-prefeita Luiza Erundina (PSOL) e de Major Olímpio (SD).

As impugnações são questionamentos aos pedidos de registro de candidatura feitos pelos interessados em disputar as eleições na Justiça Eleitoral e podem, caso confirmadas as irregularidades, impedir o registro das candidaturas.

No caso dos candidatos à Prefeitura, os questionamentos todos se baseiam na falta de documentos obrigatórios, o que ocorreu, em grande parte, devido à dificuldade do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo em emitir no prazo as certidões solicitadas por todos os candidatos.

Diante disso, o juiz eleitoral deve conceder um prazo de sete dias para que os candidatos regularizem a situação.


TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO:

“Em primeiro grau, a expedição é automática. Como, em eleições anteriores não havia a exigência de certidões de 2º grau, a automação de sua expedição não foi priorizada.

Os pedidos de certidões excederam em muito a demanda esperada pelo Tribunal – foram mais de 87 mil documentos solicitados, o que gerou sobrecarga na expedição e entrega das certidões.

Para vencer a nova demanda, foram realizados mutirões, inclusive em finais de semana, com ampliação da força-tarefa através de recrutamento de servidores de diversas unidades. Até o final de segunda-feira, 22, praticamente todos os pedidos de expedição de certidões foram atendidos e acreditamos que a entrega será totalmente realizada até a próxima sexta-feira.

Registra-se, por derradeiro, que, por força da nova exigência, foram determinados estudos para rápida automação da expedição de certidões de segundo grau.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário