PSDB oficializa a candidatura de João Doria à Prefeitura de SP


G1 São Paulo


A convenção municipal do PSDB em São Paulo confirmou neste domingo (23) o nome do empresário João Doria para a disputa ao cargo de prefeito da capital em outubro. Seu vice será o deputado federal Bruno Covas (PSDB).

Doria foi apontado como o nome do partido para as eleições deste ano após vencer as prévias do partido. Ele foi o primeiro colocado no primeiro turno. No segundo turno, venceu sendo o único candidato.


O evento foi realizado na sede da Fecomercio, na região central de São Pauo, onde ocorreram ainda convenções de partidos como o PSB e o DEM, que já anunciaram apoio a Doria.

Estiveram presentes o governador Geraldo Alckmin, principal patrocinador político de Doria, do ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, do ministro das Cidades, Bruno Araújo, do senador Aloysio Nunes, Antonio Imbassahy (BA), líder do PSDB na Câmara dos Deputados, e do governador Marconi Perillo (GO).

João Dória destacou a força de sua candidatura: "Vamos unir cada vez mais. Quem une 11 partidos ao seu lado tem a capacidade de agregar valores em seu próprio partido", disse.

A coligação de Doria é fornada por oito partidos. Além de PSDB, PSB e DEM, também fazem parte da coligação PTC, PMB, PHS, PV, PPS, PP, PRP e PTdoB.

O presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves, ausente, mandou um vídeo de apoio à Dória e pediu unidade ao partido.

Ele afirmou que a expectativa para a campanha é "muito boa" e que se trata da maior aliança partidária já construída na cidade. "A bandeira é descentralização, participação, eficiência, transparência, geração de emprego e oportunidade".

Doria e os demais presentes foram quase unânimes em fazer críticas ao Partido dos Trabalhadores (PT) em seus discursos, o que deverá também ser uma constante na campanha tucana.

O governador Geraldo Alckmin disse que o PT quer vencer a eleição para se redimir e resolver seus problemas.

O governador foi uma personalidade de destaque do evento e recebeu homenagens de todos que discursaram.

O governador afirmou ainda que a candidatura de Doria é fruto da participação da militância do partido e lembrou que o empresário recebeu 6 mil votos nas prévias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário