Danos em 115 escolas invadidas somam R$ 2 milhões



Com duas escolas ainda ocupadas em protesto contra a reorganização escolar proposta pelo governo Geraldo Alckmin (PSDB), a Secretaria Estadual da Educação informou nesta sexta-feira, 8, que teve um prejuízo estimado em R$ 2 milhões com danos nas unidades. No auge dos protestos, 196 escolas foram tomadas. Dessas, 115 teriam sido danificadas ou registrado furtos, segundo a pasta. 

Entre outras acusações, a secretaria aponta que os ocupantes da Escola Estadual Caetano de Campos, na Consolação, centro de São Paulo, provocaram prejuízos de mais de R$ 13,5 mil com furtos, depredações e desperdício de alimentos da merenda. Segundo a secretaria, os freezers da escola foram desligados durante a ocupação e mais de 200 quilos de carne, frango e margarina teriam estragado. Os alunos negam danos ou que tenham provocado o desperdício da merenda.




Nenhum comentário:

Postar um comentário