PSDB indica Aloysio Nunes e Ataídes Oliveira para titulares do Conselho de Ética do Senado



Rede Sustentabilidade e PPS entraram nesta terça com representação no colegiado em que pedem abertura de processo por quebra de decoro que pode levar à cassação do senador Delcídio Amaral 

O Estadio de S.Paulo


A bancada do PSDB no Senado indicou os senadores Aloysio Nunes Ferreira (SP) e Ataídes Oliveira (TO) como titulares do Conselho de Ética da Casa. Os tucanos também indicaram para suplentes o líder do partido na Casa, Cássio Cunha Lima (PB), e o senador Dalírio Beber (SC).

A Rede Sustentabilidade e o PPS entraram mais cedo com representação no Conselho de Ética do Senado em que pedem a abertura de um processo por quebra de decoro que pode levar à cassação do senador Delcídio Amaral (PT-MS). O petista está preso desde a quarta-feira passada, 25, sob acusação de tentar obstruir as investigações da Operação Lava Jato.

Como antecipou o Estado, na edição do último domingo, 29, a estratégia da oposição em não assinar a representação é garantir que os senadores possam participar do sorteio da relatoria do processo, caso seja admitido pelo presidente do Conselho de Ética. O Código de Ética não permite que membros do partido do senador investigado, bem como do partido que representou contra ele, sejam relatores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário