Governador do Mato Grosso sai do PDT para se filiar ao PSDB


Leandro Mazzini - Uol


O governador do Mato Grosso, Pedro Taques, enviou ao presidente da legenda, Carlos Lupi, a sua carta de desfiliação do PDT. Taques, com perfil opositor desde a atuação no Senado até 2014, vai se filiar ao PSDB.

O PSB tentou conquistar a adesão do governador, mas o presidenciável Aécio Neves, presidente do PSDB, conversou pessoalmente com Taques o convenceu a entrar no ninho tucano, com promessa de elevá-lo de imediato a vice-presidente do partido.

O PDT se enfraquece, a despeito de a bancada mostrar independência quanto ao Planalto em Brasília. Por meses Lupi tentou segurar Taques no partido, em vão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário